NOTÍCIAS

A influência das cores na alimentação

19.04.2012

  

423983 Quanto mais colorido o prato maior a garantir de diferentes nutrientes A influência das cores na alimentação

Quanto mais colorido o prato, maior a garantia de diferentes nutrientes.

A alimentação da população em geral é um assunto muito preocupante nos últimos tempos, especialmente no que diz respeito às crianças, que necessitam, especialmente nesse momento, de nutrientes que garantirão o desenvolvimento neuropsicomotor adequado e, por isso, não podem ter suas exigências nutricionais descuidadas em nenhum momento.

A mídia é muito influente e tem agido agressivamente no estímulo ao consumo de alimentos não muito saudáveis, ricos em gorduras e açúcares, que estão se tornando itens rotineiros na dieta de cada vez um número maior de crianças, ocasionando uma série de doenças como obesidade, dislipidemia, doenças do coração entre outras.

As cinco cores da saúde

Um cardápio variado e muito colorido é sinônimo de mais saúde, pois garante uma maior diversidade de nutrientes indispensáveis para o bom funcionamento do organismo. A dica é seguir a regra das cinco cores da saúde, que ajudam na escolha dos alimentos ideais para fornecer ao corpo os elementos necessários de que ele precisa para se desenvolver bem.

Roxo

Pode ser encontrada na ameixa preta, azeitona preta, uva, berinjela, beterraba, figo, jabuticaba, repolho roxo e alface roxa.

Esses alimentos possuem vitamina C e potássio, que auxilia no combate ao envelhecimento precoce e câncer, além de manter a saúde da pele, nervos, rins e aparelho digestivo.

423983 Os alimentos roxos previnem doenças cardíacas e câncer A influência das cores na alimentação

Os alimentos roxos previnem doenças cardíacas e câncer.

Laranja

Alimentos como abóbora, ameixa amarela, batata, caju, carambola, caqui, cenoura, damasco, laranja e mamão apresentam altos níveis de carotenoides e vitamina C, um potente antioxidante que combate os radicais livres e protege as células de danos que poderiam resultar em formação de tumores. Esses produtos também ajudam a manter a saúde do coração, além de fortalecer o sistema imunológico.

Vermelho

Encontrado em alimentos como acerola, tomate, goiaba, maçã, melancia, cereja e pimentão vermelho.

Os alimentos que possuem essa cor são excelentes fontes de carotenoides, que ajudam a fortalecer os olhos e a pele, trazem muitos benefícios à saúde do coração, auxiliam no fortalecimento da memória e ainda ajudam a prevenir o aparecimento de câncer.

Branco

Exemplos de alimentos dessa cor são o aipim, aipo, alho, banana, batata branca, cebola, cogumelo, couve-flor, nabo, pera e pinhão, ricos em vitaminas do complexo B e flavonoides, que auxiliam na produção de energia e melhoram o funcionamento do sistema nervoso. Esses alimentos ajudam a prevenir o aparecimento de coágulos circulatórios, evitando problemas como acidente vascular cerebral e embolia pulmonar.

Verde

O abacate, alface, brócolis, couve, chuchu, kiwi, limão, mostarda, pepino, repolho, salsa e vagem são alguns exemplos de alimentos de cor verde. São ricos em cálcio, fósforo e ferro, ajudando a promover o crescimento do organismo e melhorando a capacidade de coagulação, fortalecendo ossos e dentes, além de evitar a fadiga mental e estimular a produção de glóbulos vermelhos do sangue.

423983 Os alimentos verdes melhoram a coagulação e fortalecem os dentes e ossos A influência das cores na alimentação

Os alimentos verdes melhoram a coagulação, fortalecem os dentes e ossos.

O recomendado é consumir, diariamente, no mínimo um alimento de cada cor, ficando na média de 400g de frutas, legumes e verduras.

Fonte: Site Mundodastribos>Bem Estar>Saúde>A influência das cores na alimentação